Machado de Assis

ABREU, Modesto de. Machado de Assis. Rio de Janeiro: Norte, 1939. 86 p. Contém: um Intróito.Três partes: o homem; O escritor; Inéditos e omitidos; 9 capítulos na 1ª parte: 1. O filho do pintor - de - liso 2. O enteado de Maria Inês 3. O menino de escola 4. O caixeiro de papelaria 5. O sacristão 6. O aprendiz de tipógrafo 7. O revisor de provas 8. O jornalista 9. O funcionário público; 2ª parte: os gêneros, 7 capítulos: 1. O romancista 2. O novelista 3. O cronista 4. O crítico 5. O comediógrafo 6. O poeta 7. O epistológrafo; 3ª parte: 8 capítulos: 1. Queda que as mulheres têm para os tolos 2. Os versos íntimos 3. Virginius 4. Hino do cristão 5. Lua da estiva noite 6. Um soneto em francês 7. Soneto circular 8. Soneto a Ernesto Cybião ;o soneto “Réfus” , com tradução de Modesto de Abreu, intitulado “A recusa”. No propósito do autor, o livro objetiva “ meditar e interpretar toda a vasta obra de Machado de Assis, através de trinta volumes que na verdade valem quantitativamente pelo dobro; comparar e comentar as obras e os opúsculos a que a complexa obra deu causa; reconstituir e explicar os episódios mais característicos da sua vida pública e particular “( p.9) . Esgotado. Disponível para consulta na biblioteca da Academia Brasileira de Letras

ALMEIDA, Heloísa Lentz de. A vida amorosa de Machado de Assis. Rio de Janeiro: Central, 1939. 94 p. Contém: foto de D. Carolina, logo após o casamento; foto de Machado de Assis aos 24 anos; 7 capítulos que objetivam ser, nas palavras da autora, “ uma espécie de filmagem dos perfis femininos que, profunda ou superficialmente, impressionaram o nosso maior romancista” ( p. 94). Apóia - se em notícias de jornais, em obras do autor e “na complacência de muitos amigos do casal Machado de Assis” (p. 94). Esgotado. Disponível para consulta na biblioteca da Academia Brasileira de Letras.

BARBOSA, Francisco de Assis. Machado de Assis em miniatura. São Paulo: Melhoramentos, 1957. 64 p. Contém: retrato de Machado de Assis; Advertência; 15 capítulos: 1. O menino diabo 2. Aprendiz de tipógrafo 3. “Mon cher Machado” 4. Na barricada 5. Núpcias 6. Plena ascensão 7. A pedra no meio do caminho 8. O Quebra- Nozes 9. Senhor Diretor 10. A bota parlamentarista 11. Democracia nas Letras 12. Espinhos 13. O beijo da posteridade 14. A consagração póstuma 15. Roteiro machadiano; Obras editadas em vida; Obras de publicação póstuma. Objetiva, segundo o autor, “ recompor a fisionomia moral e intelectual do criador de Dom Casmurro”. O roteiro é seletivo: registra 39 obras sobre o escritor. Esgotado. Disponível para consulta na biblioteca da Academia Brasileira de Letras.

BELLO, José Maria. Retrato de Machado de Assis. Rio de Janeiro: A Noite, 1952. 319 p. Contém: 1 prefácio ; 12 capítulos: 1. Tomada de contato 2. Infância e adolescência 3. Ascensão 4. O homem e o meio 5. O duplo Machado de Assis 6. Poesia e teatro 7. Folhetim e crítica 8. Do romantismo ao humorista 9. Influências filosóficas 10. A trilogia 11. Os últimos romances e os contos 12. Discursos e correspondência. Estilo e ironia de Machado de Assis. Esgotado. Disponível para consulta na biblioteca da Academia Brasileira de Letras.

FONSECA, Manuel José Gondim de. Machado de Assis e o hipopótamo. Uma revolução biográfica. 6.ed. e última, de tiragem limitada. Rio de Janeiro: São José, 1974. 328 p. Contém: ilustração iconográfica; fac-similes de documentos ligados à árvore genealógica do escritor; Prefácio; três partes; Anexos. 1ªa parte ( 1839-1853): 4 capítulos, sem título. 2ª parte ( 1854- 1869): 5 capítulos, sem título; 3a. parte ( 1870-1908): 5 capítulos, sem título. Anexos: 1. Nota (Cronologia de fatos importantes no Brasil e alhures ocorridos durante a vida de Machado de Assis”, nenhum deles relacionado diretamente ao escritor. 2. Cronologia 3. Machado e a lenda 4. A mãe de Machado de Assis. 5. Os padrinhos de Machado de Assis 6. Efemérides machadianas. Fundamenta-se assumidamente numa óptica psicanalítica de base freudiana. No Prefácio, critica asperamente as biografias publicadas por Alfredo Pujol e Lúcia Miguel Pereira. Disponível para consulta na biblioteca da Academia Brasileira de Letras.

GRINBERG, Keila, Grinberg, Lucia e Almeida, Anita Correia Lima de,. Para conhecer Machado de Assis. 2005. Rio de Janeiro. Jorge Zahar Editor, 124 páginas.

MAGALHÃES JUNIOR, Raymundo. Vida e obra de Machado de Assis. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1981. 4 volumes: vol. 1: Aprendizado. Contém: Prefácio do autor; 30 capítulos: 1. O menino do Livramento 2. Um péssimo começo 3. Primeiras amizades literárias 4. Entre a mãe e a Natureza 5. Da poesia para a prosa 6. No tempo da Petalógica 7. Sonhos de glória 8. A sempre lembrada Candiani 9. Na equipe de O Brasil Pitoresco 10. Na redação de O Espelho 11. O segundo amor 12.A escalada do jornalismo 13. O fim de Ribeyrolles 14. À sombra das Arcádias 15. Sem tédio à controvérsia 16. O censor do Conservatório 17.Do anonimato à auto - afirmação 18. Machado e a Questão Christie 19. O adeus a Corina 20. De cronista a contista 21. Sileno, o amigo dos moços 22.Machado de Assis e o Império Mexicano. 23. Em defesa da liberdade religiosa 24. Uma bomba de retardamento 25. Um militante do liberalismo 26. A publicação das Crisálidas 27. A falsa polêmica 28. Machado e a guerra com o Paraguai 29. O servidor de três amos 30. Chuva de cartas - abertas; vol. 2 : Ascensão: Contém mais 20 capítulos, em seqüência: 31. Um Cavaleiro da Rosa na burocracia 32. O primado da Crítica 33. Namoro sem palavras e noivado repentino 34. O casamento 35. Críticas às avessas 36. Dificuldades. Trabalhos e alegrias. 37. Das Falenas aos Contos fluminenses 38. Retorno ao Conservatório. 39. O primeiro romance 40. Machado paga culpas de Taunay 41. A proibição de Os Lazaristas. 42. Nas águas de José de Alencar 43. O último carabineiro do indianismo 44. O nascimento de Manassés 45. Chefe de Seção efetivo 46. Nascimento de Eleazar 47. Quando Eça escandalizava Machado 48. Sob a ameaça de cegueira 49. Um Papa da literatura semeia ventos 50. Quase ministro; vol. 3: Maturidade. Contém: mais 22 capítulos, em seqüência: 51. Triunfos da maturidade 52. A morte do “Saco de Espíritos” 53. Machado maneja a sátira 54. O mestre do conto 55. Entre as letras e a música 56. No retiro do Cosme Velho 57. O repetidor de si mesmo 58. A festa das Crisálidas 59. Um versejador saudosista 60. O ano da Abolição 61. Quase conselheiro 62. A viagem a Barbacena 63. Em campanha pelo direito autoral 64. Machado versus João Brígido 65. Novas amizades 66. A repercussão de Quincas Borba 67. No tempo do “Encilhamento” 68. Acusações e louvores 69. Poesias familiares 70. Machado julgado e Machado julgador 71. Alegrias e tristezas de 1895 72. A ante-sala da Academia; vol. 4: Apogeu. Contém 23 capítulos, em seqüência: 73. Convivência com os republicanos 74. Na presidência da Academia 75. A instalação da Academia 76. O drama de um adido 77. As primeiras baixas na “imortalidade” 78. A desforra de Sílvio Romero 79. Os defensores de Machado 80. Salada bem temperada 81. O ano de Dom Casmurro 82. Um postulante irresistível 83. Da “ Panelinha” às Poesias completas 84. O grande eleitor 85 . A doença de Carolina 86. A grande desgraça 87. Solidão e amargura 88. Vivendo com o pensamento na morte 89. Relíquias de casa velha 90. Cartas que são remédio 91. Crise na torre de marfim 92. Cortesias com chapéu alheio 93. A longa agonia 94. O fim do suplício 95. Ao encontro de Carolina. Apresentação, com organização nova, do resultado da exaustiva pesquisa que informa mais de uma centena de artigos, ensaios e prefácios e os livros anteriores: Machado de Assis desconhecido (1955), Ao redor de Machado de Assis : pesquisas e interpretações (1958), Machado de Assis funcionário público ( 1958). Objetiva, assumidamente, “ evocar, com maior rigor cronológico e com mais ampla documentação, a vida e a obra de Machado de Assis, sua formação intelectual e o meio em que desenvolveu sua atividade” ( p. 1, do prefácio do vol. 1). Contrapõe-se aos trabalhos de biógrafos anteriores, como Lúcia Miguel Pereira, Mário Matos, Heloísa Lentz de Almeida. Não traz interpretação da obra. Edição comercializada. Disponível para consulta na biblioteca da Academia Brasileira de Letras.

MAGALHÃES JUNIOR, Raimundo. A Juventude de Machado de Assis. Revista Brasileira de Cultura. Rio de Janeiro: Conselho Federal de Cultura, 11, 1972, p. 119-25.

MAGALHÃES JUNIOR, Raimundo. Machado de Assis desconhecido. 2 ed. ref., aum. e corr. Rio de Janeiro: Editora Civilização Brasileira, 1955. "Levantamento de alguns aspectos da vida e da obra do autor que permaneciam obscuros ou ignorados, e um esforço no sentido de ampliar algumas das pesquisas já iniciadas, mas não aprofundadas, por vários dos seus comentadores e biógrafos" (prefácio do autor). Contém 22 capítulos: Machado de Assis e o culto cívico a Tiradentes; O cronista assanhado e o Barão Camoniano; Machado de Assis e a questão Christie; Machado de Assis e o imperialismo; Machado de Assis e a Guerra do Paraguai; A "estrela" do Alcazar; Machado de Assis e a política; Machado de Assis e o conselheiro Zacarias; O bilingüismo de Machado de Assis; Machado de Assis e a abolição; O burocrata Machado de Assis; Crônicas que não são de Machado; As repetições de Machado de Assis; O deturpador de citações; O nativismo de Machado de Assis; Profissão de fé literária; A influência de Carolina; A "desconhecida"; O espírito associativo de Machado de Assis; Machado de Assis e os testamentos; Machado de Assis e a religião; Cronologia de Machado de Assis. Disponível para consulta na Biblioteca da Academia Brasileira de Letras

MAGALHÃES JUNIOR, Raimundo. Machado de Assis, funcionário público: no Império e na república. Rio de Janeiro: Ministério da Viação e Obras Públicas - serviço de documentação, 1958.

MASSA, Jean-Michel. La Bibliothèque de Machado de Assis. Revista do Livro. Rio de Janeiro: INL, 21-22, mar/jun, 1961, p. 195-238.

MASSA, Jean-Michel. A juventude de Machado de Assis. 1839-1870. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1971. Contém: Introdução; guia bibliográfico; quatro partes: 1ª parte: O aprendizado das letras; capítulos: 1. Infância e primeira adolescência; 2. Primeiras poesias ( janeiro de 1855 - julho de 1856) 3. Os primeiros passos na prosa ( junho de 1855- abril de 1858). 2a. parte: O engajamento; capítulos: 4. 1858- 1859 5. “O espelho” : Machado de Assis “Tête de vingt ans” 6. O ofício de jornalista: “ O Diário do Rio de Janeiro” 3a. parte: Altos e baixos; capítulos: 7. Machado de Assis: homem de teatro 8. O ponto mais baixo da maré: o futuro ( setembro de 1862- fins de 1862) 9. Crisálidas ( 1864) 10. O correspondente da “Imprensa Acadêmica” de São Paulo 11. Ao acaso: junho de 1864 - maio de 1865 12.A encruzilhada ( 1865-1867) 4a. parte: A maré calma; capítulos: 13. Machado de Assis contista ( 1864- 1869) 14. O homem 15. A obra: “Falenas”, “Contos fluminenses”. Apêndice. Índice dos principais nomes citados ( autores e lugares); índice das obras e dos periódicos citados. Biografia assumidamente “ intelectual, espiritual e literária de Machado de Assis”. O autor polemiza com os biógrafos que o antecederam. Consultar em bibliotecas.

MATOS, Mário. Machado de Assis. O homem e a obra. Os personagens explicam o autor. São Paulo: Nacional, 1939. Contém: Breve nota explicativa; três partes. 1ª parte: O homem ; 5 capítulos: 1. Infância, adolescência, mocidade 2. O meio, o temperamento apolítico de Machado de Assis 3. Tu só, tu, puro amor 4. O homem 5. Últimos momentos. A morte; 2ª parte: O escritor; 13 capítulos, em seqüência: 6. O escritor 7. O romancista 8. Brás Cubas 9. Quincas Borba 10. D. Casmurro 11. Esaú e Jacó 12. Memorial de Aires 13. Machado de Assis, contador de histórias 14. O cronista 15. O poeta 16. O comediógrafo 17. Correspondência. Conversando com amigos. Academia de Letras. O orador. 18 Machado de Assis e a crítica; 3ªa parte: Síntese; 1 capítulo, em seqüência: Significação da obra: humorismo. Os personagens explicam o autor. Objetiva, nas palavras do prefácio, “tratar mais do escritor do que do homem” , “ traçar a biografia psicológica do autor de Brás Cubas”, “ buscar as causas dos fatos e discipliná-las”. Esgotado. Disponível na biblioteca da Academia Brasileira de Letras.

MEYER, Augusto. Machado de Assis. 3. ed. Rio de Janeiro: Presença; Brasília: INL, 1975. Contém 14 capítulos: O homem subterrâneo; Relendo; "O delírio"; Flora; Entusiasta e místico; Na casa verde; O espelho; (Da introversão, parêntese); Sombra; Mas; Marginália; Anedota Machadiana; O delírio de Brás Cubas; Juízos críticos.


MONTELLO, Josué. Machado de Assis. Rio de Janeiro. Verbo, 1972. 136 páginas. Contém: volumosa documentação iconográfica; Capítulos: Auto-retrato; Espírito universal e clássico da língua; A vida; Os acontecimentos da época; Machado de Assis de perto; As obras; A arte da época; Antologia; As personagens; O Rio de Machado de Assis; Machado de Assis e a crítica; Bibliografia de Machado de Assis; Bibliografia sobre Machado de Assis.

MONTELLO, Josué. O Presidente Machado de Assis nos papéis e relíquias da Academia Brasileira 2.ed. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1986. 402 p. Contém: documentação iconográfica; Introdução do autor; 12 capítulos: 1. A Casa de Machado de Assis 2. Filosofia das folhas velhas 3. Um diário inédito de Machado de Assis. 4. Os dois confidentes de Machado de Assis 5. O confidente Mário de Alencar 6. Uma amizade por correspondência 7. O escritor diante de seu crítico 8. Machado de Assis ou José de Alencar? 9. Um diálogo epistolar sobre Machado de Assis. 10. Entre o conselheiro Aires e o embaixador Nabuco 11. As liberdades de Graça Aranha 12. A glorificação na Academia; um apêndice: Viagens ao redor de Machado de Assis ; Técnica do romance machadiano; índice onomástico. Revela aspectos novos e originais, amplamente fundamentados, em relação à biografia do escritor. Edição comercializada.

MONTELLO, Josué. Os inimigos de Machado de Assis. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1998. 408 p. A vida e a e obra do escritor através das relações com a crítica. Amplamente ilustrada com fotos e fac-similes de documentos. Contém: Prefácio do autor; Conversa preliminar; 18 capítulos: O inimigo da machadolatria; As surpresas do mundo; As agressões radicais; Entre a crítica e o testemunho; Sem salamaleques nem louvores hábeis; Poeta contra poeta; As duas feições de Graça Aranha; Entre a louvação e a rejeição; No tempo das polêmicas; O tédio à controvérsia; A represália de Labieno; A difícil escolha; Encontros e desencontros; O salário do crítico; Ódio velho não cansa; Entre a convicção e a paixão; A agressão na própria Academia; O inimigo de Sílvio Romero. Documentário ( transcrição, na íntegra, por força de raros e esgotados de estudos e argüições): Luís Murat contra Machado de Assis; Sílvio Romero entre o louvor e a censura; A agressão de Sílvio Romero a Nabuco. Ìndice onomástico. Edição comercializada.


MONTELLO, Josué. Memórias Póstumas de Machado de Assis. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1997. Contém 8 capítulos: I. Nas crônicas II. Nos contos III. Nos romances IV. Nas poesias V. Nas cartas VI. No teatro VII. Na crítica VIII. Na evocação de amigos e instituições. Edição comercializada.

MOTTA, Arthur. Bio-bibliografia de Machado de Assis. In: Revista da Academia Brasileira de Letras. nº 147. Integra os “Perfis acadêmicos”, por ele elaborado, dos escritores pertencentes ao quadro de membros efetivos e a galeria dos respectivos patronos da Academia Brasileira de Letras. Contém: a bibliografia do autor, com as obras relacionadas na ordem cronológica do aparecimento em primeira edição; indicação das peças teatrais, tanto originais como traduzidas deixadas inéditas e, na maioria, extraviadas; os textos publicados em jornais e revistas; indicação de iconografia; relação de fontes para o estudo crítico da obra do autor; notícia biográfica e subsídios para o estudo crítico. Disponível para consulta na biblioteca da Academia Brasileira de Letras.


PAULA-FREITAS, Luis. Perfil de Machado de Assis. Terceira edição. Rio de Janeiro, Âncora, 1947. Primeira edição, Oficina gráfica de O Globo, 1939. 96 páginas. Contém: Introdução do autor; Capítulos: Primeiros tempos; A madrasta; Livros; Primeiros estros; Tipógrafo; Jornalista; Teatro; Temperamento; Viagens; Clássico; Polêmicas; O poeta; Funcionário; A esposa; A Academia; Mulheres; A natureza; Contos; A cidade; "Humour"; O seu tempo; A moléstia; Romances; Crítico; Cronista; Epistológrafo; Bibliografia; A morte; Síntese.

PEREIRA, Lúcia Miguel. Machado de Assis. Estudo crítico e biográfico. 6.ed. revista. Belo Horizonte: Itatiaia; São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo. 1988. 1.ed.: 1936. Contém: 21 capítulos: 1. Perspectiva 2. O moleque 3. O operário 4. Transição 5. Jornalista 6. Machadinho 7 Carolina 8 Primeiros livros: poesia 9. Primeiros livros: prosa 10. “Seu Machado” 11. Confissões 12. Recolhimento 13. Maturidade 14. O criador 15. Consagração 16. O artista 17. O Conselheiro Aires 18. Ao pé do leito derradeiro 19. Pensamentos de vida formulados 20. Últimos dias 21 O escritor e o homem. Bibliografia. Índice onomástico e remissivo. A 5.ed. traz 15 ilustrações fora do texto, entre elas retratos de Machado de Assis aos 22, aos 35, aos 42, aos 45 anos; retrato de Machado de Assis com D. Carolina, sua esposa. 5. ed. disponível para consulta na biblioteca da Academia Brasileira de Letras.


PIZA, Daniel. "Machado de Assis, um gênio brasileiro".São Paulo: Imprensa Oficial/EDUSP, 2005.


PONTES, Eloy. A vida contraditória de Machado de Assis. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1939. 328 p. Contém: 65 ilustrações fora do texto; 12 capítulos: 1. Atmosfera 2. Reticências 3. Primeiros passos 4. Nas trincheiras da Imprensa 5. Romantismo 6.A caminho do romance 7. Mãe, irmã, esposa e enfermeira 8. Gestos de dois sexos 9.O rosbife naturalista 10. Brás Cubas 11. Aires 12. À sombra das reticências; Anexos: O testamento do romancista; Lista de bens. Ed. comercial. Esgotado. Disponível para consulta na biblioteca da Academia Brasileira de Letras.


PUJOL, Alfredo. Machado de Assis. 2.ed. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1934. 1.ed. do mesmo ano. Consta de sete conferências integrantes de um curso ministrado na Sociedade de Cultura Artística de São Paulo entre 29 de novembro de 1915 e 16 de março de 1917. Contém: os textos das conferências: 1 . Machado de Assis - adolescência e mocidade. Seus primeiros escritos. De tipógrafo a jornalista. O meio político e literário. Seus protetores e seus amigos. Crisálidas. Falenas. Americanas. 2. Machado de Assis- Os contos e os romances da sua primeira fase: Contos Fluminenses. Histórias da Meia - Noite. Ressurreição. A Mão e a Luva. Helena. Iaiá Garcia. 3. Machado de Assis - sua nova estética. Memórias Póstumas de Brás Cubas. 4. Machado de Assis - Os contos da sua segunda fase: Papéis avulsos. Histórias sem data. Várias Histórias. Páginas Recolhidas. 5. Machado de Assis - Quincas Borba. Dom Casmurro. Esaú e Jacó. 6.Machado de Assis - O crítico e o cronista. 7. Machado de Assis - O poeta das Ocidentais. Seus últimos livros: Relíquias de Casa Velha. Memorial de Aires. Sua morte. Notas sobre as conferências. Alia dados biográficos e crítica literária. Obra esgotada. Disponível para consulta na biblioteca da Academia Brasileira de Letras.

VIANNA FILHO, Luís. A vida de Machado de Assis. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1989. 1.ed. 1965. Ilustrado com duas fotos do biografado. Contém: Prefácio do autor; 12 capítulos: 1. Entre Cartago e Atenas 2. O velho senado 3. A Ordem da Rosa 4. A Galera de Ouro 5. O Quebra - Nozes 6. Brás Cubas 7. Cosme Velho 8. Vindiciae 9. O tempo perdido 10. A Garnier 11. A grande solidão 12. A folha no chão. Busca , nas palavras do autor, “fixar principalmente o homem, a fim de melhor entender o escritor” (Prefácio, p. 9)


WERNECK, Maria Helena. O Homem Encadernado: Machado de Assis na escrita das biografias. Rio de Janeiro: EdUERJ, 1996.

XAVIER, Lindolfo. Machado de Assis no tempo e no espaço. Rio de Janeiro: Editora Brasílica, 1940. 111 pg. Contém 25 capítulos: 1. A consagração; 2. Machado de Assis no Ministério da Viação; 3. Machado de Assis funcionário e artista; 4. Como surgem os gênios; 5. Luta contra o meio; 6. Um posto de observação; 7. O panorama político-administrativo; 8. Mutação de cenário; 9. Não havia lugar ao tédio; 10. A vida prática do autor de Dom Casmurro; 11. Onde surgem as abelhas, as borboletas e os colibris; 12. A vida íntima do filósofo; 13. A biblioteca - O gabinete - O Dr. Menezes; 14. José Veríssimo - Euclides da Cunha; 15. Arthur Azevedo; 16. A onda que passava; 17. Os mosqueteiros da Casa Real; 18. No remanso tranqüilo do Cosme Velho; 19. Três astros apagaram-se; 20. Aplicação do questionário de psicologia de Adler; 21. Uma impressão ao vivo; 22. O juízo da posteridade; 23. Breve estudo da obra literária de Machado de Assis; 24. Escala psicotécnica da luta ; 25. A gratidão nacional.